Em DVD – Minha terra África

Minha terra África (White Material) é um filme francês dirigido por Claire Denis. Dramático e intenso, retrata a luta de Maria Vial (Isabelle Huppert), mulher francesa branca, para permanecer em sua fazenda de café enquanto uma guerra civil estoura no país e toda a sua realidade entra em colapso.

No começo, encontramos Maria caminhando por uma estrada de terra tentando voltar para casa, uma fazenda de café em um país africano que permanece sem identificação até o final. O filme é construído por uma série de flashbacks que contam a história de como a protagonista acabou nessa situação. A câmera na mão é muito utilizada, principalmente no início, em que o desespero de Maria por voltar a sua fazenda, a fuga de um grupo de rebeldes ante à aproximação do exército e a cena de um homem sufocando dentro de uma casa em chamas se alternam.

White Material: a luta contra a aceitação do fim.

No começo do flashback, Maria se depara com a deserção em massa dos trabalhadores de sua fazenda. A situação da região é muito perigosa devido às lutas dos rebeldes contra o exército. Como a colheita ainda não foi realizada, ela insiste em contratar novos trabalhadores. Seu ex-marido, que administra a fazenda junto com ela, faz preparativos para ir embora contra a sua vontade. Enquanto isso, ela tem de lidar com o sogro doente e com o filho problemático.

A insistência de Maria em manter a fazenda quando a situação evidentemente vai de mal a pior é angustiante. No início, ela parece imune ao que está acontecendo à sua volta e suas atitudes indicam que ela está em um processo de negação. Seu casamento não deu certo e seu filho só sai da cama pouco antes de se tornar um homem perigoso, violento e aliado aos rebeldes. A fazenda, então, é tudo o que lhe resta para manter um mínimo de normalidade em sua vida e ela custa a aceitar que isto também está perdido.

A guerra civil, os conflitos étnicos e a situação dos países africanos são temas mais do que secundários. O filme é essencialmente a história de uma mulher lutando contra o fim de um projeto de vida. E nada mais.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s